sábado, 3 de outubro de 2009

RODOVIA FERNÃO DIAS COM MAIS SEGURANÇA

DIRETOR DA OHL RELATOU ISSO NO CONSEG
A Rodovia Fernão Dias está muito mais segura e com certeza estará ainda mais até 2010, quando das conclusões das obras de roforma da pista bem como da construção da praça de pedágio.

Segundo o relatório de um dos representantes da empresa OHL (Auto Pista Fernão Dias) Engenheiro Fernando Milleo, a rodovia ganhará 50 passarelas, 100% de monitoramente com câmeras no trecho de São Paulo, já conta com 18 ambulâncias equipadas e com apoio de médicos, enfemeiros e auxiliares de enfermagem.

Alegou também que a rodovia estará toda iluminada trazendo assim mais conforto para os usuários da rodovia, ou seja a cidade está ganhando muito com a obra.

Apesar da praça de pedágio ser bem próxima a entrada da cidade, acreditamos que Mairiporã tem muito a ganhar com a nova Rodovia Fernão Dias, que primeiramente já está trazendo benefícios, pois quem lembra de anos atrás que era um inferno andar na Fernão Dias, pois eram buracos para todo lado, falta de iluminação, falta de sinalização, agora já estamos sentindo a diferença, pois já está bem mais sinalizada, praticamente todos os buracos acabaram e existe manutenção periódica em todo o trecho da estrada.

Sabemos que a praça de pedágio também traz segurança pois agentes da empresa e da Policia Rodoviária Federal estarão sempre fiscalizando tudo que acontece na estrada e com isto fiscalizando bandidos que possam cometer crimes na cidade e tentar fugir pela rodovia e lá serem capturados.

É importante que a empresa OHL (Auto Pista Fernão Dias) seja mais transparente na divulgação das obras, pois assim trará mais tranquilidade para a população mairiporanense, uma vez que quem conhece como está sendo realizado os trabalhos sabe que nossa cidade será sim beneficiada e não prejudicada como alguns querem vender esta imagem.
SIM PARA O CRESCIMENTO DE MAIRIPORÃ COM DESENVOLVIMENTO. E QUE O GOVERNO DO ESTADO ACORDE E REALIZE O TRECHO NORTE DO RODOANEL O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL PARA O BEM DE TODA A POPULAÇÃO

Nenhum comentário: