sexta-feira, 30 de abril de 2010

CONSELHO TUTELAR


O Defensor dos direitos da Criança e do Adolescente

Estamos falando do Conselho Tutelar, este órgão é importante na colaboração do desenvolvimento do cidadão do futuro, por isso é dever da sociedade de bem divulgar esta relevante conquista do público infanto-juvenil. O Conselho Tutelar é um órgão da sociedade onde cinco pessoas são escolhidas através do voto para mandato de três anos, onde devem cuidar especificamente dos direitos da criança e do adolescente. Este órgão é PERMANENTE (uma vez criado em um município, nunca mais pode ser destituído) podem até cassar seus membros mais o Conselho (órgão) continuará existindo com outros conselheiros.

O Conselho Tutelar é um órgão AUTONOMO, ou seja, ele tem autonomia em suas decisões, sua decisão somente poderá ser revista pelo judiciário se uma pessoa que seja parte interessada assim requerer. O conselho não é subordinado ao Poder Executivo, Legislativo, nem ao Judiciário, apenas e tão somente a sociedade e ao Estatuto que deve ser o livro de cabeceira de todos os conselheiros e de todos aqueles que militam na proteção desses seres em formação.

O Conselho Tutelar é um órgão não JURISDICIONAL, Ele não tem o poder de julgar qualquer que seja o caso, ele apenas é o canal de informação e de encaminhamento para que os direitos da criança sejam cumpridos integralmente. O Conselho Tutelar tem como principal função REQUISITAR serviços na área da saúde, educação, segurança, etc..., E quando requisita serviços deve ser atendido, pois uma negativa de seu pedido, o autor da negativa poderá ser representado judicialmente, por descumprimento de determinação do Conselho Tutelar.

O Conselho Tutelar também é um fiscal do cumprimento dos direitos da criança e do adolescente. O Conselho não condena a criança ou o adolescente, ele sim protege e trabalha para garantir a preservação de seus direitos.

Em Mairiporã, existe o Conselho Tutelar desde Agosto de 1998, os atuais Conselheiros tomaram posse em Setembro de 2007 e terá seu mandato até 31 de Agosto de 2010. O Conselho tem muito que fazer pela proteção dos direitos da criança e do adolescente, mas para isso necessita e muito de ONG’s devidamente fortes para criarem projetos, de todos os órgãos da Prefeitura trabalhando em prol a trazer recursos para nossas crianças e adolescentes. Escolas com professores devidamente capacitados e treinados para a criança do nosso século. Hospitais com todos os devidos recursos e médicos capacitados e apaixonados em fazer o melhor atendimento. O Conselho não faz qualquer coisa sem a grande estrutura de um trabalho interligado, a rede tão sonhada em nosso município e que com certeza é possível de realizarmos.

Denuncie Maus Tratos ou qualquer outra forma de exploração aos direitos da criança e do adolescente, seja um cidadão participativo. Mas nunca ligue para fazer um trote, ou porque está com raiva do vizinho, pois isso atrapalha os trabalhos e ainda prejudica o bom atendimento dos casos que deveriam ser considerados com mais atenção.


COLABORAR COM O CONSELHO TUTELAR TAMBÉM SIGNIFICA VALORIZAR, COISA QUE MUITOS GOVERNOS NÃO FAZEM E ASSIM PREJUDICAM O TRABALHO DOS DEFENSORES DAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES.


Somos defensores do Estatuto da Criança e do Adolescente, e este ano a Lei 8.069/90 (ECA) estará completando 20 anos...


É nosso dever divulgar esta lei que se bem aplicada garantirá um Brasil de todos de verdade nos próximos anos...


Viva o Brasil

Viva o Estatuto da Criança e do Adolescente

Nenhum comentário: