quarta-feira, 7 de novembro de 2012

MUNDO MAIS DO QUE TENEBROSO


VAMOS UNIR AS FAMÍLIAS E MUDAR ISSO
 
Medo, insegurança, roubos, furtos, mortes e mais mortes, estes são os principais assuntos nas rádios e televisão, a causa principal disto tudo é a falta de amor, principalmente nas famílias, que ao invés de unir estão cada vez mais separadas.

Temos urgentemente que dar um basta em tudo isto e a melhor forma é trabalhando a família, união, amor e uma boa educação ajuda e muito, o segundo passo é nas escolas, orientações e aconselhamentos sempre com a grande colaboração das famílias, para que assim possamos arrumar nosso mundo, cuidando das crianças para que no futuro sejam gente do bem.

Os pais tem o dever de conhecer seus filhos, suas companhias, acompanhá-lo sempre bem de perto, não liberá-lo totalmente para a vida, mostrar as realidades deste nosso mundo, nunca fumar ou tomar bebida alcoólica perto de seu filho, bem como nunca deixá-lo guiar teu carro enquanto não tenha habilitação. O pai que respeita estas lições terá orgulho de seu filho no futuro e ainda terá muito amor em seu lar.

A Bíblia Sagrada nos fala claramente sobre a extrema corrupção dos últimos tempos, tempos que estamos vivendo, onde no livro de II Timóteo 3. 1 a 5, assim relata: “Sabe, porém isto, que nos últimos dias sobrevirão tempos penosos; pois os homens serão amantes de si mesmos, gananciosos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a seus pais, ingratos, ímpios, sem afeição natural, implacáveis, caluniadores, incontinentes, crueis, inimigos do bem, traidores, atrevidos, orgulhosos, mais amigos dos deleitos do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando-lhe o poder. Afasta-te também desses.”

Vejamos, o texto Sagrado nos fala que teremos tempos penosos, ou seja, sofrimento, dor, etc. A guerra no Estado de São Paulo entre policia e criminosos; A crise política e econômica da europa; Mortes em vários países do mundo por questões religiosas; Famílias desestruturadas; Os sequestros e homicídios que são cada vez mais constantes em nosso País, não são provas de tempos penosos?

Por todos estes problemas que cada vez mais acontece no mundo só existe um culpado e este é o “HOMEM”, pois a partir do momento que o homem passa a ser “amante de si mesmo”, parece que não existe nada que possa fazê-lo deixar de praticar tais atos.

O homem, “amante de si mesmo” pratica atentados terroristas, rouba o povo, induz a guerra, comete seqüestro e mata quem quer que seja, sem nenhum temor.

Explicado o porque do mundo estar tenebroso, passo a responder as indagações: Aonde iremos chegar? Será que estamos no fundo do poço? Seguindo o exemplo do HOMEM AMANTE DE SI MESMO, nosso fim é matar ou morrer, e com total certeza, estaremos entregues ao fundo do poço e o que é pior sem Deus e sem Salvação.

Ainda há esperança? A resposta a esta indagação consta da parte final do texto Sagrado supra transcrito, onde fala: “AFASTA-SE TAMBÉM DESSES”. Se você, não estiver na companhia desses “HOMENS AMANTES DE SI MESMOS”, existe sim esperança, e essa esperança, depende de uma grande ação de vossa parte: “AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS E AO PRÓXIMO COMO A TI MESMO”.

O que podemos fazer para o futuro de nossos filhos? O primeiro passo é ensiná-los a amar a Deus e ao próximo. Devemos também educá-los da melhor maneira possível; ensiná-los a respeitar sempre os mais velhos, seus professores e a todos que merecem o devido respeito. Devemos ainda mostrar que, nós respeitamos as autoridades constituídas e que eles também devem respeitar: “Os magistrados não são motivos de temor para os que fazem o bem, mas para os que fazem o mal. Queres tu, pois, não temer a autoridade? Faze o bem, e terás louvor dela. (Romanos 12.3). Devemos, finalmente, nunca maltratar nossos filhos, pois são eles nossas jóias preciosas e precisam muito de nós, para vencerem neste mundo mais do que tenebroso.

                           “Que Deus abençoe todos os lares de nosso Brasil”

Nenhum comentário: